Assembleia Municipal de Lisboa
logotipo
Página do Grupo Municipal do Partido Comunista Português (PCP)
A política editorial desta página é da inteira responsabilidade do Grupo Municipal do Partido Comunista Português (PCP)
1 / 3
1 2 3
17-01-2018

Por iniciativa do Grupo Municipal do PCP debateu-se na sessão de dia 16 de Janeiro o futuro do Teatro Municipal Maria Matos. Ler mais

16-01-2018

A Moção "Pela Rejeição da Concessão do Teatro maria Matos" foi votada por pontos:
Ponto 1 - rejeitado com os votos contra PS, PSD e 6 Ind e com a abstenção do CDS, 2 Ind e MPT;
Ponto 2 - rejeitado com os votos contra do PS, PSD, 2 Ind e com a abstenção do CDS, MPT e 2 Ind. Ler mais

*
19-12-2017

*PCP exige a revogação do processo de encerramento dos seis hospitais do Centro Hospitalar de Lisboa Central

Foi rejeitada,com os votos contra do PS, Independentes e abstenção do BE, PSD, CDS e PPM, moção apresentada pelos deputados Municipais do PCP, que exige a revogação do processo de encerramento dos seis hospitais do Centro Hospitalar de Lisboa Central, formalmente iniciado através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 178/2017, de 28 de Novembro de 2017 e que deu início aos procedimentos para a celebração de uma parceria público-privada, PPP.

Ao contrário do que é afirmado, os Hospitais do Centro Hospitalar de Lisboa Central não estão “obsoletos” e cumprem com a prestação dos serviços de saúde especializados não só à população da cidade de Lisboa, mas a todo o país.

O funcionamento destes hospitais é assegurado por 7100 funcionários, nos quais se encontram 12 centros de excelência médico-cirúrgica, 44 blocos operatórios, mais de 1300 camas de internamento, com 820.000 consultas, e que receberam a acreditação e a Certificação ISO 9001:2008 em 16 de Março de 2016, outorgada pela mais prestigiada entidade acreditadora do Reino Unido.

Com o “novo hospital” existirá uma diminuição do número de camas de 1307 para 875 (menos 432 camas), de menos 40% dos blocos operatórios e condiciona-se o acesso aos serviços de saúde especializados, em especial aos mais idosos, que terão de se deslocar para a outra extremidade da cidade.

O Governo não pode decidir sobre esta matéria, sem antes consultar o Município e a população.

O PCP não deixará de lutar pela defesa do direito à cidade, dos serviços hospitalares e do seu património público, contra a atribuição destes equipamentos aos especuladores imobiliários.* Ler mais

19-12-2017

O Grupo Municipaldo PCP apresentou uma recomendação "Pela urgente intervenção de obras de requalificação na Escola Secundária de Camões" na sessão de dia 19 de Dezembro. A Recomendação foi aprovada por Unanimidade. Ler mais

*
05-12-2017

O Grupo Municipal do PCP na sessão extraordinária de dia 5 de Dezembro, apresentou um voto de pesar pelo falecimento de Zé Pedro, músico fundador dos Xutos & Pontapés. No voto de pesar, o PCP insta a Câmara Municipal de Lisboa a criar "um concurso municipal de novas bandas, intitulada com o nome do homenageado, fornecendo aos concorrentes o apoio logístico e todo aquele que estiver ao alcance das estruturas culturais" do município". O voto foi aprovado por unanimidade. Ler mais

22-11-2017

O Grupo Municipal do PCP votou contra as saudações ao 25 de Novembro, apresentadas pelos Grupos Municipais do CDS-PP e PSD, na sessão da Assembleia Municipal de Lisboa de 21 de Novembro de 2017. Ler mais

(imagem retirada da Internet)
(imagem retirada da Internet)
21-11-2017

A Assembleia Municipal de Lisboa prestou homenagem a Marta Vásquez,Presidente das Mães da Praça de Maio, Argentina. O Voto de Pesar apresentado pelo Grupo Municipal do PCP foi aprovado por unanimidade. Ler mais

21-11-2017

A Saudação apresentada na Sessão da Assembleia Municipal de 21 de Novembro de 2017, foi aprovada por maioria com os votos favoráveis do PS, PCP, BE, PAN, PEV e 8 DM Ind., os votos contra do CDS-PP, PPM e MPT e a Abstenção do PSD. Ler mais

21-11-2017

A Saudação foi aprovada por maioria com os votos favoráveis do PS, PCP, BE, PAN, PEV, MPT e 8 DM Ind. e com a abstenção do PSD, CDS-PP e PPM. Ler mais

21-11-2017

A Moção teve a seguinte votação:

Pontos deliberativos 1, 2 e 3 (aprovados)

A Favor: PCP, PSD, BE, PAN, PEV, MPT, PPM, 8 Independentes
Contra: PS
Abstenções: CDS-PP

Ponto deliberativo 4 (rejeitado)

A Favor: PCP, PSD, BE, PAN, PEV, MPT
Contra: PS, 8 Independentes
Abstenções: CDS-PP, PPM Ler mais

21-11-2017

A Moção foi aprovada por maioria com os votos favoráveis do PS, PSD, PCP, BE, PAN, PEV, MPT e 8 DM Ind e com a abstenção do CDS-PP e do PPM. Ler mais

21-11-2017

Ponto 1 deliberativo (aprovado)

A Favor: PS, PCP, CDS-PP, BE, PAN, PEV, MPT, PPM, 8 Independentes
Contra: ---
Abstenções: PSD

Ponto 2 deliberativo (aprovado)

A Favor: PS, PCP, BE, PAN, PEV, 8 Independentes
Contra: CDS-PP, MPT, PPM
Abstenções: PSD

Ponto 3 deliberativo (aprovado)

A Favor: PS, PCP, BE, PAN, PEV, 8 Independentes
Contra:
Abstenções: PSD, CDS-PP, MPT, PPM

Ponto 4 deliberativo (aprovado)

A Favor: PS, PCP, BE, PAN, PEV, 8 Independentes
Contra: CDS-PP, MPT, PPM
Abstenções: PSD Ler mais

*
08-03-2017

O Grupo Municipal do PCP apresentou na sessão de dia 7 de Março de 2017 uma Saudação ao dia Internacional da Mulher tendo esta sido aprovada por Unanimidade. Ler mais

*
08-03-2017

Intervenção da Deputada Municipal Lúcia Gomes Ler mais

*
07-03-2017

A moção, subscrita também pelo Grupo Municipal "Os Verdes" foi rejeitadaa com os votos contra do PS, PSD, CDS e PNPN e com a abstenção de 2 DM Ind do PS e do MPT. Ler mais

*
22-02-2017

*O Grupo Municipal do PCP para assinal o 10º aniversário da vitória do Sim! no Referendo à despenalização da IVG, apresentou uma saudação na Sessão Ordinária de dia 21 de Fevereiro e que teve a seguinte votação:
1- Aprovado com os votos contra do CDS e a abstenção do MPT
2- Aprovado com os votos contra do CDS e a abstenção do MPT
3- Aprovado com os votos contra do PSD e a abstenção do CDS e MPT
4- Aprovado com os votos contra do PSD e a abstenção do CDS e MPT*

Ler mais
22-02-2017

A recomendação "EM DEFESA DA CARRIS, DO SERVIÇO PÚBLICO DE TRANSPORTES, DOS DIREITOS DOS UTENTES E DOS TRABALHADORES" apresentada pelo Grupo Municipal do PCP, no dia 21 de Fevereiro foi rejeitada com a seguinte votação:
1 e 2 - Rejeitados com os votos contra do PS, PSD, Ind, CDS, MPT, PNPN e a abstenção do BE e PAN
3 - Rejeitado com os votos contra do PS, PSD, Ind, BE, CDS, MPT, PNPN e a abstenção do PAN
4 - Rejeitado com os votos contra do PS, PSD, Ind, BE, CDS, PNPN e a abstenção do MPT e PAN
5 - Rejeitado com os votos contra do PS, PSD, Ind, BE, PNPN e a abstenção do MPT e PAN
6 - Rejeitado com os votos contra do PS, CDS, MPT, PNPN e a abstenção do PSD, BE e PAN
7 - Foi prejudicado, uma vez que todos os pontos foram rejeitados.

Ler mais
22-02-2017

Por iniciativa do Grupo Municipal do PCP e em sequência de um requerimento sobre a mesma matéria, foi aprovada por unanimidade uma deliberação da Assembleia Municipal para que o assunto seja apreciado em sede da 3ª Comissão Permanente de Ordenamento do Território, Urbanismo, Reabilitação Urbana, Habitação e Desenvolvimento Local com vista à realização de visitas ao local, apuramento da existência ou não nas escavações em curso de ocupação de terrenos municipais, auscultação do Executivo Camarário e emissão de relatório. Ler mais

22-02-2017

Mais uma vez, o Grupo Municipal do PCP intervém em prol da população de Lisboa, desta vez com uma recomendação contra o encerramento de esquadras em Lisboa.
A recomendação foi rejeitada na totalidade e teve a seguinte votação:
1 – Rejeitado com os votos contra do PS, Ind e PNPN
2 - Rejeitado com os votos contra do PS, Ind e PNPN e a abstenção do PSD, CDS e MPT
3 - Rejeitado com os votos contra do PS, Ind e PNPN
4 - Rejeitado com os votos contra do PS, Ind e PNPN e abstenção do CDS e MPT
5 - Rejeitado com os votos contra do PS, Ind e PNPN
6 - Foi prejudicado, uma vez que todos os pontos foram rejeitados.

Ler mais
retirada da internet
retirada da internet
22-02-2017

A moção de repúdio com a decisão de demolir o edifício em causa, propondo que o mesmo passe a constar da Lista de Bens da Carta Municipal do Património Edificado e Paisagístico do PDM de Lisboa, como Bens Imóveis de Interesse Municipal e outros bens culturais imóveis, foi aprovada com a abstenção de 5 DM Ind do PS. Ler mais

1 / 3
1 2 3