Assembleia Municipal de Lisboa
Voto 020/10 (PPM) - Saudação à memória dos soldados portugueses na Batalha de La Lys
24-04-2018

Agendado: 24 de Abril de 2018
Debatido e votado: 24 de Abril
Resultado da Votação: Aprovado por unanimidade
Passou a Deliberação: 174/AML/2018
Publicação em BM:BM nº 1267

À MEMÓRIA DOS SOLDADOS PORTUGUESES NA BATALHA DE LA LYS

A participação do Corpo Expedicionário Português na I Grande Guerra insere-se num dos mais marcantes contextos e acontecimentos da História da Europa e de Portugal. Como o Sr. Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, lembrou na cerimónia que assinalou os 100 anos da batalha de La Lys, no passado dia 9 de Abril, "ali se viveu o maior luto militar nacional desde a batalha de Alcácer-Quibir no norte de África em 1578".
Na realidade, perante uma ofensiva avassaladora do exército alemão, perderam-se 7 mil e 500 militares portugueses na batalha. Foi o momento mais sangrento do Corpo Expedicionário Português na Grande Guerra. O número inclui mortos, desaparecidos, feridos e prisioneiros. Em poucas horas, a segunda divisão do CEP foi esmagada pelas forças alemãs. A evocação em França deste acontecimento na I Grande Guerra é uma forma de manifestar um sentido reconhecimento pelo poio dado pelos soldados portugueses e pela sua coragem e heroicidade que demonstraram.
É, por isso, importante que também em Portugal, e em Lisboa em particular, haja um reconhecimento adequado do valor daqueles portugueses que, num contexto nacional e internacional complexo e instável, combateram em condições muito difíceis e precárias mas que defenderam até aos limites da resistência humana a missão que lhes foi destinada. É uma forma de os resgatar ao esquecimento e de honrar os que estiveram nos campos de batalha e foram vítimas dessa guerra. É também uma forma de honrar as suas famílias e descendentes.

Neste sentido, a Assembleia Municipal de Lisboa delibera, na sequência da presente proposta dos eleitos pelo PPM - Partido Popular Monárquico:

1 - Saudar a memória de todos os soldados portugueses participantes no Corpo Expedicionário Português (CEP) em particular todos aqueles que estiveram presentes na Batalha de La Lys na Flandres que defenderam, em muitos casos com a própria vida, a liberdade da Europa.
2 - Que a Câmara e a Assembleia Municipal passem a estar presentes nas cerimónias anuais do Dia do Combatente (9 de Abril) no Forte do Bom Sucesso (Junto à Torre de Belém) associando-se à iniciativa promovida pela Liga dos Combatentes, porque o exemplo destes soldados deve ser sempre reconhecido.

Mais delibera ainda:

3 - Dar conhecimento da presente Saudação à Liga dos Combatentes.

Lisboa, 10 de Abril de 2018

Pelo Grupo Municipal do PPM
Aline Hall de Beuvink
Maria do Carmo Muñoz

Documentos
Documento em formato application/pdf Voto 020/10 (PPM)179 Kb